Bom Jardim da Serra ou Urubici: qual destino escolher? Compare aqui

Se você está pensando em começar a explorar a serra catarinense ou montar um roteiro por uma área da região que ainda não conhece, qual é o melhor destino: Bom Jardim da Serra ou Urubici?

Ainda que as cidades sejam vizinhas e estejam localizadas em uma região que compartilha similaridades em questões ambientais e culturais, são locais que oferecem aventuras diferentes para cada tipo de viajante.

Pensando nisso, criamos um guia definitivo com tudo o que você precisa saber para escolher o destino ideal para as próximas férias, ou criar uma rota que inclua as duas cidades em uma viagem só.

Boa leitura!

Bom Jardim da Serra/SC

Localizado bem no alto da serra catarinense, a cerca de 1.200 metros de altitude, o município de Bom Jardim da Serra é um destino que é sinônimo de natureza e relaxamento para os turistas.

É um destino que mistura paisagens de tirar o fôlego, como cânions e vales, assim como cenas que trazem muita tranquilidade, como os terrenos rurais da região.

Inclusive, também é conhecida como capital das águas, já que conta com mais de 35 cachoeiras e 14 rios no local.

Onde fica e como chegar?

Próxima à Serra do Rio do Rastro, a cidade de Bom Jardim da Serra fica a cerca de 230 km de distância de Florianópolis. O trajeto pode ser feito, principalmente pelas estradas SC 390, BR 101 e BR 438 em, aproximadamente, 3h30 de viagem.

Já para quem quer viajar de ônibus, a dica é pegar um ônibus saindo de Florianópolis até Criciúma e, de lá, realizar o trajeto final até Bom Jardim da Serra.

Outra opção mais cômoda é contratar agências de viagem especializadas que realizam esse transporte diretamente de Florianópolis. A maioria delas costuma sair da rodoviária ou aeroporto local.

Melhor época para visitar Bom Jardim da Serra

Tudo depende do seu objetivo na viagem pela serra catarinense! Para quem tem interesse em viver uma aventura nos cânions e cachoeiras da região, a dica é evitar o verão para não enfrentar o período de chuvas.

Já para quem quer, talvez, vivenciar o fenômeno da neve nos pontos mais frios de Santa Catarina, sem dúvidas, o inverno é a estação perfeita.

Sendo assim, para um roteiro equilibrado e condições ideais para visitar todas as atrações, a dica é visitar Bom Jardim da Serra na primavera ou outono.

Pontos turísticos de Bom Jardim da Serra

Depois de determinar como chegar e qual é a melhor época para sua viagem pela serra catarinense, é hora de detalhar melhor o seu roteiro em Bom Jardim da Serra.

Por isso, selecionamos alguns entre os incontáveis passeios que fazem sucesso entre os viajantes e, ao mesmo tempo, contam um pouco sobre a história e cultura da região serrana.

Cânion do Funil

Conhecido como um dos cartões postais de Bom Jardim da Serra, o Cânion do Funil é uma das principais atrações da região.

Por estar dentro de uma propriedade privada, é preciso garantir um guia especializado ou a autorização do dono, que pode ser adquirida na hora mesmo.

Serra do Rio do Rastro

A Serra do Rio do Rastro é atravessada pela rodovia SC 390, que conecta a primeira cidade, Lauro Muller, e a mais alta, Bom Jardim da Serra.

No mirante, é possível observar todas as montanhas e penhascos da região, garantindo uma vista privilegiada de tudo que a natureza criou nessa área de Santa Catarina.

Cânion das Laranjeiras

Com cerca de 5 km de extensão, é considerado como um dos cânions mais lindos da região. A paisagem é composta por paredões, penhascos e quedas d’água, além da vegetação nativa que colore o cenário.

Mirante Serra Parque

Com uma estrutura ideal para curtir a paisagem com a família, o Mirante Serra Parque é um ponto fundamental em qualquer tipo de roteiro.

O espaço conta com trilhas, balanço, redes, parquinho e até mesmo área para churrasco e piquenique!

Parque Eólico de Bom Jardim da Serra

Atuando como uma fonte limpa de energia elétrica, o Parque Eólico do município é próximo ao Cânion da Ronda e pode ser uma visita interessante para sua viagem em Bom Jardim da Serra.

Cascata Barrinha

Próxima à entrada da cidade, a Cascata Barrinha é um passeio gratuito para apreciar em Bom Jardim da Serra!

Por meio de uma escadaria curta, é possível chegar à base da queda d’água e, assim, observar o cenário completo.

Igreja Nossa Senhora do Perpétuo

Já para quem quer explorar um pouco o lado histórico da cidade, a recomendação é visitar a Igreja Matriz e a praça ao redor.

A construção se destaca pelo formato curioso: a torre da igreja é feita como um cone, se destacando no cenário do município.

Pico do Rinoceronte

Bem na divisa entre Bom Jardim da Serra e Siderópolis, está o Pico do Rinoceronte, uma formação rochosa que oferece uma vista da serra geral e até mesmo do litoral de Santa Catarina.

Inclusive, o destino é ideal para quem adora caminhadas, já que conta com uma trilha de cerca de 7 km para explorar toda a região.

Salto do Rio Pelotas

A cerca de 8 km do centro de Bom Jardim da Serra, o Salto do Rio Pelotas é uma cascata que todo amante da natureza precisa conhecer!

Perau dos Cabritos

Formado por um riacho e bem menor do que os outros cânions da região, o Perau dos Cabritos é uma paisagem imperdível em Bom Jardim da Serra.

É possível visualizar a cachoeira que passa pela parte inferior do penhasco, assim como toda a vegetação da região.

Urubici/SC

Oferecendo fácil acesso a diversos pontos turísticos da serra catarinense, Urubici está localizada a cerca de 900 metros de altitude.

Parte do Vale do Rio Canoas, a cidade já registrou a menor temperatura do país em 1996, cerca de -17 graus.

Onde fica e como chegar?

Saindo de Florianópolis, são cerca de 173 km de distância, ou seja, um pouco mais de 3h de viagem para quem está atravessando o estado de carro.

Já para quem viaja de ônibus, a opção é pegar a linha até Urubici a partir do Terminal Rita Maria. Outra ideia é contratar empresas especializadas que realizam o trajeto com transfers.

Melhor época para visitar Urubici

Principalmente o inverno, mas também o verão, são as épocas mais movimentadas em Urubici, ou seja, em que as atrações estão mais lotadas.

Mas, assim como em Bom Jardim da Serra, tudo depende do objetivo da sua viagem.

Quem está curioso para vivenciar as baixas temperaturas da região, o inverno é a opção perfeita. Enquanto o verão é indicado para quem quer curtir as trilhas, ainda que seja uma época chuvosa.

Por fim, para quem quer uma viagem um pouco mais tranquila e menos movimentada, o outono e a primavera são as estações mais recomendadas.

Passeios turísticos de Urubici

Assim como Bom Jardim da Serra, os principais atrativos de Urubici são os cenários naturais ímpares que parecem telas pintadas por artistas.

Entretanto, cada cantinho traz um pouco de história que também atrai outros perfis de viajantes do Brasil e do mundo inteiro.

Morro da Igreja + pedra furada

Localizado a mais de 1800 metros de altitude dentro do Parque Nacional de São Joaquim, o Morro da Igreja é o lugar mais alto de Santa Catarina e, assim, oferece uma vista única da serra geral.

Inclusive, a partir do mirante do local é possível visualizar a Pedra Furada, uma formação rochosa com uma fenda que faz sucesso entre os turistas.

Parque Cascata do Avencal

A apenas 8 km do centro de Urubici, a Cascata do Avencal conta com uma queda d’água com mais de 100 metros.

O cenário pode ser observado tanto pelo topo da cascata quanto pela parte inferior, por meio de uma trilha rápida e acessível.

Gruta Nossa Senhora de Lourdes

Como um destino que atrai religiosos e apaixonados pela natureza, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes é um dos pontos turísticos de Urubici que vale a pena incluir no roteiro, mesmo que seja curto.

Por trás da queda d’água que compõe o local, há um espaço com todas as homenagens dos viajantes devotos à Santa que visitam o local.

Serra do Corvo Branco

Com uma estrada sinuosa, cheia de curvas fechadas e enormes paredões de pedra, a Serra do Corvo Branco é uma das grandiosidades que não podem passar em branco na sua visita para Urubici.

Ao atravessar pela estrada, é possível ver belezas de tirar o fôlego, principalmente pela altitude dos paredões e a extensão da vegetação nativa local.

Cascata Véu de Noiva

Diferentemente da maioria das cascatas, a água do Véu da Noiva escorre pelos paredões de pedra, criando espuma por onde passa e, assim, criando o característico visual de véu que rendeu o nome da atração.

Inclusive, é um destino que você visitar no mesmo dia em que for ao Morro da Igreja, já que ambos são divididos por apenas 11 km de distância, ou seja, 15 minutos de viagem para quem está de carro pela região.

Morro do Campestre

Com acesso por meio de pequenas trilhas e uma vista estonteante do Vale do Rio Canoas, o Morro do Campestre é um dos passeios perfeitos para visitantes que adoram caminhadas e conexão com a natureza.

Cânion Espraiado

Localizado no Campo dos Padres, o Cânion Espraiado é um fenômeno natural que divide a planície da serra catarinense e, por isso, impressiona qualquer os visitantes com os penhascos profundos, altos paredões e múltiplas quedas d’água na paisagem.

Parque Nacional de São Joaquim

Por fim, o Parque Nacional de São Joaquim conta com uma extensão de mais de 49 mil hectares e, assim, tem o título de um dos mais extensos e antigos parques naturais do estado e da região Sul do país.

Uma curiosidade interessante é que o Morro da Igreja e a pedra furada são atrações que estão dentro do parque. Por isso, visitá-las exige a autorização para o acesso ao local, já que é um espaço de conservação ambiental e, por isso, controla a quantidade de visitantes por dia.

Onde se hospedar em Urubici

Para ter um fácil acesso a todos passeios imperdíveis de Urubici, a dica é se hospedar no centro da cidade. Assim, você também fica próximo do comércio e dos restaurantes tradicionais que apresentam a culinária local.

A Pousada Cabanas Xokleng conta com café da manhã incluso e varandas nos quartos que oferecem uma vista de ouro para as montanhas da cidade.

Além disso, os quartos oferecem tudo o que você precisa para uma estadia de conforto: banheiro privativo, TV com tela plana, chaleira, roupa de cama, toalhas e mais.

Para garantir a sua reserva e tirar sua viagem pela serra catarinense do papel, entre em contato com a nossa equipe de atendimento e tire todas as suas dúvidas!

Conheça o melhor da serra catarinense em Bom Jardim da Serra ou Urubici!

Se você ainda não conseguiu decidir um único destino para visitar entre Bom Jardim da Serra ou Urubici com essas dicas, que tal montar um roteiro que passe pelos dois municípios?

Como as cidades são vizinhas, é possível conhecê-las em uma única viagem, principalmente se você tem cerca de 15 dias disponíveis para explorar os atrativos da serra catarinense.

Ambos pontos são divididos por uma rota de 70 km de extensão, que corresponde a uma viagem de carro com cerca de 1h de duração.

Se você gostou deste conteúdo, não deixe de compartilhar com seus amigos nas redes sociais! E, para mais dicas de viagem pela serra catarinense e a cidade de Urubici, continue acompanhando o blog da Pousada Cabanas Xokleng.

Jucinara Capistrano da Cunha
Jucinara Capistrano da Cunha

Podem me chamar de Juci! Uma advogada e empresária de 51 anos de idade, nascida em Bom Retiro, Santa Catarina. Vindo de uma família de pequenos agricultores, superei adversidades financeiras e decidi deixar a advocacia para trás, ao abrir uma pousada na encantadora cidade de Urubici. Minha maior realização é proporcionar alegria e conforto aos hóspedes, repaginando constantemente as acomodações para oferecer uma estadia cada vez melhor. Sou apaixonada por jardinagem, artesanato e viagens, e minha trajetória é marcada pela resiliência, gratidão e busca pela realização pessoal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A pousada mais bem avaliada em Urubici

Avaliações Google
4.5
+193 Reviews

Faça uma cotação de uma pousada localizada no centro de Urubici