Clima em Urubici em julho: vale a pena? Como aproveitar?

Urubici já foi conhecida como a “Sibéria Brasileira” — e até hoje a cidade faz jus ao nome. Em Urubici está localizado o Morro da Igreja, que é o lugar onde já foi registrada a temperatura mais baixa do Brasil, quase -20 °C. Então, dá pra imaginar como faz frio em Urubici em julho! Mas, de um modo geral, como é o clima em Urubici em julho?

Será que realmente vale a pena fazer uma viagem para Urubici no inverno? Como fica o clima? É muito cheio? O que fazer? Confira as respostas a seguir!

Como é o clima em Urubici em julho?

O mês de julho em Urubici, na Serra Catarinense, é um dos mais frios do ano. Em média, as temperaturas ficam em torno dos 10 °C durante o dia e 2 °C durante a noite.

Em alguns pontos turísticos, a sensação térmica pode ser negativa, por causa da altura e do vento, e pode nevar.

Além disso, nas partes mais altas da cidade de Urubici em julho é comum nevar no inverno, como é o caso do Morro da Igreja e da Pedra Furada.

Por outro lado, o mês de julho é o que menos chove em Urubici. A precipitação média para o mês é de 124 mm, previstos para 13 dias.

Por incrível que parece, julho é o mês com mais dias de sol do ano. Por isso, há menos chances da neblina atrapalhar a visibilidade das paisagens!

O único ponto negativo de viajar para Urubici em julho é que esse é um mês de alta temporada. Muitas pessoas buscam o destino justamente por causa do frio e da neve.

Por isso, as principais atrações turísticas ficam bastante concorridas. Então, é melhor reservar a hospedagem e os passeios com antecedência.

O que fazer em Urubici em julho? Melhores atrações na Serra Catarinense para curtir o inverno

Agora que você já sabe como fica o clima e o movimento de Urubici em julho, confira o que fazer na Serra Catarinense no inverno.

1. Cachoeira da Neve

Em julho, por causa das maiores chances de nevar em Urubici, a Cachoeira da Neve pode ficar bastante concorrida. Mesmo assim, vale a pena tentar uma visita, pois somente nesse período ocorre um fenômeno especial.

Quando as temperaturas ficam abaixo de zero, as gotículas de água da Cachoeira da Neve congelam e caem como neve — é lindo!

A Cachoeira da Neve fica a menos de 5 quilômetros de distância do centro de Urubici.

A maior parte do caminho pode ser feito de carro. Apenas quando chegar na propriedade em que a queda d’água está localizada, o Sítio Arroio do Engenho, é preciso deixar o carro e seguir a trilha a pé.

A trilha para a Cachoeira da Neve tem 700 metros de extensão e é fácil, pode ser feita em menos de 30 minutos. A poucos metros dali há outra queda d’água, a Cachoeira das Araucárias.

Vale a pena andar mais um pouco para conhecê-la!

2. Serra do Corvo Branco

A Serra do Corvo Branco não é uma atração para passar o dia, mas merece uma visita rápida. Ela faz parte da rodovia SC-370, que liga a serra ao litoral. O trecho turístico fica na divisa entre as cidades de Urubici e Grão-Pará.

O passeio pela Serra do Corvo Branco é todo de carro, apenas para apreciar a paisagem. Se preferir, você pode parar nos mirantes para tirar algumas fotos. Além disso, na rodovia fica o maior corte de rocha arenítica do Brasil.

Contudo, o melhor é fazer esse passeio quando o tempo estiver bom. A Serra do Corvo Branco fica a mais de 1.400 metros de altura, não é toda pavimentada e tem curvas muitas acentuadas (de até 180º). Também, prefira passar por lá antes de escurecer, pois a via não é iluminada.

Se não quiser descer a serra, você pode visitar o parque Altos do Corvo Branco. Ele fica um pouco antes do corte na rocha.

Lá você pode subir em alguns mirantes e observar diferentes pontos turísticos da Serra Catarinense, como o Morro da Igreja, a Pedra Furada, o Vale do Canoas, o Cânion do Espraiado e até o litoral.

3. Morro das Antenas

Se você gosta mesmo do frio, você pode ir um pouco mais longe para conhecer a cidade mais fria do Brasil, Urupema, vizinha de Urubici.

Urubici tem o local mais frio do Brasil, mas oficialmente a cidade mais fria é Urupema.

No inverno é comum acontecer um fenômeno chamado sincelo. Basicamente, quando as temperaturas estão negativas, as gotículas de água congelam quando tocam em alguma superfície.

Em Urupema, um dos melhores locais para os visitantes observarem a Serra Catarinense é o Morro da Antena. Ele tem 1.750 metros de altura e é o ponto mais alto de Santa Catarina.

A estrada que leva ao mirante é de terra batida e tem várias pedras soltas. Porém, a vista da subida já é impressionante.

Então, é pouco provável que você ache ruim andar devagar com o carro. Além disso, ao chegar no mirante, a vista da Serra Catarinense vai fazer valer qualquer esforço.

5. Vinícolas de São Joaquim

Outra cidade vizinha de Urubici que merece uma visita é São Joaquim. Lá você vai encontrar algumas das melhores vinícolas da Rota dos Vinhos de Altitude da Serra Catarinense.

Por causa da altitude e do frio, as uvas cultivadas na serra de Santa Catarina amadurecem de forma lenta e completa — o que torna os vinhos de altitude únicos e marcantes.

Ao todo, a Serra Catarinense e o Vale do Contestado possuem 19 produtores de vinho, e a maioria deles investiu em uma boa infraestrutura para receber turistas.

Em São Joaquim, estão alguns dos produtos de rótulos premiados, como Villa Francioni, Boutique D’alture, Pericó e Leone di Venezia.

Você pode agendar uma visita guiada nessas vinícolas e fazer uma degustação. Vinho e frio combinam perfeitamente!

Vale a pena ir a Urubici (Santa Catarina) em julho?

Sem dúvida, a cidade de Urubici em julho oferece tudo que a região tem de melhor: muito frio, bons vinhos e belas paisagens.

Contudo, como alguns pontos turísticos ficam mais bonitos no inverno, esse é um mês que a cidade fica bastante movimentada.

Então, quem prefere locais mais vazios pode se incomodar um pouco. Uma forma de lidar com o grande volume de turistas é visitar atrações mais longe e de difícil acesso. Normalmente, elas são mais vazias.

De qualquer forma, Urubici em julho vai encantar você!

Quer aproveitar ainda mais Urubici e região? Então, vale a pena se hospedar na Pousada Cabanas Xokleng, com café da manhã incluso e muitas outras comodidades.

Entre em contato hoje mesmo via WhatsApp ou e-mail e reserve seus quartos!

Aproveite e leia mais sobre Urubici em nosso blog.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Até a próxima!

FAQ

Como é o clima em Urubici em julho?

Julho é o mês que faz mais frio e chove menos em Urubici. A temperatura média durante o dia é de 10 °C, e à noite 2 °C. Entretanto, em algumas atrações a sensação térmica pode ser negativa por causa dos ventos e da altitude.

Jucinara Capistrano da Cunha
Jucinara Capistrano da Cunha

Podem me chamar de Juci! Uma advogada e empresária de 51 anos de idade, nascida em Bom Retiro, Santa Catarina. Vindo de uma família de pequenos agricultores, superei adversidades financeiras e decidi deixar a advocacia para trás, ao abrir uma pousada na encantadora cidade de Urubici. Minha maior realização é proporcionar alegria e conforto aos hóspedes, repaginando constantemente as acomodações para oferecer uma estadia cada vez melhor. Sou apaixonada por jardinagem, artesanato e viagens, e minha trajetória é marcada pela resiliência, gratidão e busca pela realização pessoal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A pousada mais bem avaliada em Urubici

Avaliações Google
4.6
+180 Reviews

Faça uma cotação de uma pousada localizada no centro de Urubici