Clima em Urubici em setembro: vale a pena? Como aproveitar?

Se você chegou até aqui porque quer saber como é o clima em Urubici em setembro, não precisa mais procurar!

Depois de dias muito gelados na serra de Santa Catarina, o clima começa a ficar mais ameno em Urubici em setembro.

Além disso, com o fim da alta temporada, a cidade volta a ficar mais tranquila. Mas será que vale a pena conhecer a região nessa época?

Confira a seguir como fica o clima e o que fazer em Urubici em setembro!

Como é o clima em Urubici em setembro?

Em Urubici em setembro, as temperaturas são mais amenas. Durante o dia, a temperatura mínima fica em torno dos 12 °C, e a máxima, próxima dos 20 °C.

À noite, naturalmente o clima fica mais frio na Serra Catarinense, chegando a 5 °C. Nesse mês, há poucas chances de neve ou geada.

Apesar de não fazer tanto frio no final do inverno, os ventos derrubam a sensação térmica, especialmente nos pontos turísticos mais altos da cidade de Urubici em setembro. Então, é bom usar uma roupa quente.

Por outro lado, com a chegada da primavera no Sul do Brasil, o volume de chuva aumenta. Os dados históricos mostram que a precipitação média para o mês de setembro é de 193 mm em 18 dias. Normalmente, faz apenas 5 dias de sol.

Para quem quer conhecer Urubici no frio, mas não quer pegar a alta temporada, o clima de setembro é uma boa opção.

Porém, assim como a maioria das cidades turísticas, Urubici pode ficar mais movimentada no feriado de 7 de setembro, em especial se for prolongado.

O que fazer em Urubici, Santa Catarina, em setembro?

Por causa das temperaturas mais agradáveis, o mês de setembro em Urubici é ótimo para fazer atividades que exigem mais esforço físico, como as trilhas ecológicas.

Porém, se pegar um dia de chuva, uma boa opção é conhecer alguns produtores de vinhos de altitude.

Confira os detalhes a seguir!

1. Cânion Espraiado

Um dos principais atrativos da cidade de Urubici são as trilhas. Lá você encontra percursos de todos os níveis de dificuldade.

Uma trilha bastante conhecida de Urubici entre os amantes de trekking é a que vai ao Cânion Espraiado.

Ela possui 12 quilômetros de extensão e pode ser feita a pé ou de carro. Todo o percurso é uma subida, por isso, leva cerca de 1h30 para subir com um carro 4×4, e 8 horas a pé

Depois de chegar na sede da propriedade, ainda será necessário andar cerca de 3 quilômetros para conhecer os mirantes do Cânion Espraiado. É como dizem: são os caminhos mais difíceis que levam os destinos mais bonitos.

Nos mirantes do Cânion Espraiado temos uma vista impressionante de diversos pontos da Serra Catarinense, como a Serra do Corvo Branco e o Vale do Rio Canoas.

Além disso, as trilhas passam por cachoeiras, um riacho e um Balanço Infinito, onde você pode tirar fotos. Quem quiser se aventurar, a propriedade também possui espaço para acampamento.

2. Pedra da Águia

A Pedra da Águia é uma formação rochosa que lembra uma ave de rapina de asas abertas. Ela fica na comunidade do Canudo, a 30 quilômetros do centro de Urubici, em direção a Serra do Corvo Branco.

A entrada da a trilha até a Pedra da Águia fica no mesmo estacionamento onde começa a trilha para o Cânion Espraiado. Então, você pode combinar os dois passeios no mesmo dia.

Para chegar até o topo da Pedra da Água, você precisa contratar um guia credenciado do Parque Nacional de São Joaquim, pois o percurso é complicado. Chegando na formação rochosa, você pode também pode fazer rapel.

Mas se você for do estilo menos aventureiro, você consegue observar a Pedra da Águia de longe.

3. Vinhos de Altitude de São Joaquim

Para os dias mais frios e chuvosos, vale a pena fazer um tour pelas vinícolas da Serra Catarinense. Nesse sentido, a cidade de São Joaquim é um dos melhores destinos.

São Joaquim fica a menos de 1 hora de carro de Urubici. Por causa da altitude e das baixas temperaturas, as uvas cultivadas na cidade dão origem aos melhores vinhos finos da região.

Atualmente, São Joaquim tem 19 produtores de vinhos de altitude, sendo que 7 preparam uma estrutura exclusiva para receber turistas. Nessas empresas você pode conhecer a produção de perto, fazer uma degustação e comprar seus vinhos favoritos.

Não deixe de visitar a vinícola Quinta da Neve, que foi a primeira a investir na produção de vinho da cidade e são famosos por cultivar a cepa Pinot Noir.

A Villa Francioni, que ficou conhecida por produzir o vinho favorito da cantora Madonna, também merece ser conhecida.

Agora, se quiser experimentar vinhos do Brasil inteiro, visite também a Casa do Vinho — um dos 10 melhores distribuidores de vinho do país.

Vale a pena ir a Urubici/SC em setembro?

Sim, vale a pena ir a Urubici em setembro.

Embora o volume de chuva seja maior do que nos meses anteriores, a alta temporada na cidade já passou. Por isso, ainda é possível pegar alguns dias frios, mas sem o grande fluxo de turistas de junho, julho e agosto.

Entretanto, a chuva pode atrapalhar alguns passeios.

Então, o melhor é sempre ter um “plano B” caso o tempo mude. Tenha em mente que o clima na Serra Catarinense é muito instável. Por isso, o dia pode amanhecer nublado e abrir com o passar das horas.

No geral, setembro é um bom mês para visitar Urubici, mas não é o melhor.

Quer aproveitar ainda mais Urubici e região? Então, vale a pena se hospedar na Pousada Cabanas Xokleng, com café da manhã incluso e muitas outras comodidades.

Entre em contato hoje mesmo via WhatsApp ou e-mail e reserve seus quartos!

Aproveite e leia mais sobre Urubici em nosso blog.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Até a próxima!

FAQ

Como é o clima em Urubici em setembro?

O clima de Urubici em setembro é de transição entre o inverno e a primavera. Por isso, os dias ainda são frios, com variação de temperatura de 12 °C a 20 °C, e média de 5 °C à noite. Contudo, com a mudança de estação, as chuvas começam a aumentar. Os dados históricos mostram que a precipitação média é de 193 mm previstos para 18 dias.

Jucinara Capistrano da Cunha
Jucinara Capistrano da Cunha

Podem me chamar de Juci! Uma advogada e empresária de 51 anos de idade, nascida em Bom Retiro, Santa Catarina. Vindo de uma família de pequenos agricultores, superei adversidades financeiras e decidi deixar a advocacia para trás, ao abrir uma pousada na encantadora cidade de Urubici. Minha maior realização é proporcionar alegria e conforto aos hóspedes, repaginando constantemente as acomodações para oferecer uma estadia cada vez melhor. Sou apaixonada por jardinagem, artesanato e viagens, e minha trajetória é marcada pela resiliência, gratidão e busca pela realização pessoal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A pousada mais bem avaliada em Urubici

Avaliações Google
4.6
+180 Reviews

Faça uma cotação de uma pousada localizada no centro de Urubici